2017
América do Sul

08 de agosto (terça-feira)

Confiabilidade estrutural aplicada para definição de intervenção de manutenção em estruturas e ativos submetidos a esforços dinâmicos baseada no seu nível de segurança – Manutenção Baseada na Condição Probabilística

O estudo da confiabilidade estrutural tem tomado grande importância à medida que as ferramentas numéricas, seja no campo probabilístico seja no determinístico tornam-se mais assertivas, porém não se tem observado a utilização de forma complementar e interativa. O objetivo deste trabalho é propor uma metodologia que utilize as informações das duas áreas para avaliação da condição probabilística de um ativo extrapolando o conceito existente de CBM (Condition Based Maintenance), incorporando como uma extensão do conceito o conhecimento proveniente dos estudos probabilísticos, criando assim o PCBM (Probabilistic Condition Based Maintenance). Com a utilização dos conceitos da confiabilidade estrutural e seus métodos para a avaliação da integridade estrutural de um sistema mecânico em operação submetido a esforços dinâmicos, será determinada a probabilidade de falha do componente, assim como o seu índice de segurança e a sua evolução ao longo do tempo. A partir de resultados experimentais obtidos, serão realizadas simulações e avaliadas as correlações entre o modelo probabilístico e o determinístico, a fim de se verificar a possibilidade do uso desta metodologia como suporte no processo de tomada de decisão quanto ao momento mais adequado de uma intervenção de manutenção para um determinado nível de segurança.

Palestrante: Fernando Helder Teixeira
Co-autores: Jánes Landré Junior
Vale
Brasil